CORREIO BRAZILIENSE

Do Correio Braziliense – Por Rosana Hessel, Reporter de Economia

Rubens Barbosa aponta caminhos para recuperar o protagonismo internacional.  “O Brasil é uma das 10 maiores economias do mundo e, em termos geopolíticos, tem que restabelecer sua importância e sua posição no mundo, encontrando um lugar adequado como líder regional”, disse o Embaixador Rubens Barbosa  //www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/economia/2018/08/31/internas_economia,703026/rubens-barbosa-aponta-caminhos-recuperar-protagonismo-internacional.shtml

REUNIÃO PRESIDENCIAL DO BRICS

Por Rubens Barbosa*

O BRICS, grupo integrado pelo Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, realizou sua 10a. reunião de cúpula em Joanesburgo, África do Sul, no final de julho. Criado em 2006, o grupo representa 44% da população mundial, quase um quarto do território terrestre e 23% de seu PIB. São cinco países de renda média que buscam ampliar a cooperação e buscar soluções para os desafios de um mundo em profunda e rápida transformação, sem, no entanto, questionar os atuais fundamentos da Ordem política e econômica globais.
Na reunião, a cooperação com a África foi discutida e a escalada protecionista, que ameaça o livre comércio e amplia os questionamentos sobre a Organização Mundial de Comércio, foi condenada. Ambos os temas são de direto interesse do Brasil. A ameaça de guerra comercial ficou concentrada na disputa entre EUA e China. O entendimento entre os EUA e a Europa (mais…)

PROGRAMA DE FORMAÇÃO E PESQUISA EM COMÉRCIO INTERNACIONAL

A Coordenação da Missão do Brasil junto à OMC informa que o prazo para apresentação de candidaturas para participar do processo seletivo do Programa de Formação Complementar e Pesquisa em Comércio Internacional, mantido pela Delegação do Brasil junto à Organização Mundial do Comércio e outras Organizações Econômicas em Genebra (DELBRASOMC), foi prorrogado por duas semanas.  O novo prazo para envio de candidaturas encerra-se em 1 de agosto, meia-noite (horário de Brasília).  Referido programa tem por objetivo desenvolver e complementar a educação e o treinamento de profissionais e acadêmicos brasileiros na área de comércio internacional, com ênfase na prática da Organização Mundial do Comércio (OMC) e demais entidades econômicas sediadas em Genebra.  Para a próxima turma (Turma 41), serão abertas 2 (duas) vagas para o setor privado. O Programa terá duração de 12 semanas, com início em 17 de setembro de 2018 e encerrando no dia 7 de dezembro de 2018.

Edital convocatório e regras do Programa estão disponíveis no site da Delegação: http://delbrasomc.itamaraty.gov.br/pt-br/

Dúvidas, esclarecimentos e/ou informações adicionais poderão ser encaminhadas ao e-mail da Sra. Beatriz Stevens,  Coordenadora do Programa,  através do e-mail: beatriz.stevens@itamaraty.gov.br,ou diretamente pelo telefone +41 22 929 0913.

EXCESSO DE CÚPULAS

Por Rubens Barbosa*

A realização da VIII Cúpula das Américas em Lima em abril passado sugere uma reflexão sobre as sucessivas reuniões presidenciais que vem ocorrendo no continente americano sem apresentar um caminho para os países da região em temas de interesse geral.

Caso o número de reuniões de alto nível de fato engendrasse coordenação e resultados concretos, as Américas seriam um exemplo para o mundo e se apresentariam com um modelo de entendimento e cooperação.

Se houvesse resultados concretos para os 34 países da região, a partir de discussões objetivas e desideologizadas, os encontros poderiam ser positivos e deveriam ser apoiados. Mas não é o que ocorre. Poucos guardarão na lembrança  alguma conclusão das oito Cúpulas das Américas, inclusive desta última. À exceção, talvez, da primeira, que ocorreu em Miami em 1994 quando, inaugurando uma estratégia de negociação comercial, os EUA (mais…)